O Blog do Roberto Porto


UOL


Ano que vem, "eles" jogam às terças e sextas.



Não é de hoje que o outrora aristocrático clube do bairro de Laranjeiras vem perdendo o rumo. Na verdade, a coisa é bem antiga. Tão antiga quanto o seu mais incensado torcedor, Benício, considerado símbolo do Fluminense, cuja frase máxima dizia que “bom mesmo era vencer um título roubado, de preferência com um gol irregular, com a mão”.


Daí, vocês podem perceber que o símbolo deles era tão sem ética quanto os dirigentes dos dias atuais. Duvidam? Por hoje, só por hoje, vou lhes contar uma.


Há alguns anos, quando era o treinador da moda no Brasil, Oswaldo de Oliveira foi contratado pelo tricolor. Tempos depois, por conta dessa gangorra assassina que vitima técnicos, ele foi demitido e foi-se embora com toda a sua entourage.


Passados alguns dias, um advogado tricolor, consultando o Diário Oficial por motivos profissionais, vê uma pequenina nota em que Oswaldo de Oliveira era acusado de “abandono de emprego”. O artifício – sei eu que me formei em Direito (e, sabem vocês, joguei o canudo para o alto e fui ser jornalista para ficar mais perto do Botafogo) – serviria para não pagar ao profissional todos os seus direitos. Alertado, Oswaldo providenciou o reparo e, decentemente, evitou maiores confusões.


De lá a essa parte, parece que pouco mudou. O tricolor das Laranjeiras, faz coisas que fariam João Coelho Netto (1905-1979), o Preguinho, filho do escritor Coelho Netto, corar de vergonha.


Eles se vangloriam do “Rei do Tapetão”, o advogado José Carlos Vilella (1928-2000), que ganhava causas no tribunal de justiça desportiva mesmo quando não tinha razão ou direitos. Sabendo como as coisas são feitas hoje na justiça desportiva, dos procuradores que eles têm por lá, podemos imaginar como esse rei fazia as coisas acontecerem em prol do Fluminense.


Agora, depois que o seu presidente declara que tem pavor das torcidas organizadas, medo de morrer, que dá ingressos mesmo porque tem medo delas, aí então caiu a casa, a máscara, a vergonha. O pó-de-arroz azedou de vez.


O clube dos vitrais históricos – que há muito deixaram de ser os originais pelas pedradas da torcida insana que, volta e meia, vai lá quebrá-los quando o time não vai bem em campo – perdeu o rumo e o prumo.


Contratou três tenores e eles desafinaram no seu dó de peito. Acolheu o traíra Dodô Femproporex – este na esperança de que, pelos braços da trinca Horcades-Teixeira-Blatter, pudesse escapar da suspensão por doping que, me dizem pessoas confiáveis, era esperada, líquida e certa.


Agora, como parte de uma pusilânime armação, passando recibo dos novos tempos que o Fluminense vive, torcedores idiotas do tricolor das Laranjeiras promoveram um quebra-quebra nas cadeiras do Engenhão.


“Cambuta de fedapadas!”, diria deles um antigo cartunista. Invejosos, baderneiros e enrustidos, digo eu. Não têm estádio e quebram o dos outros. Safados também os arremedos de “procura-dores” e “magistrados” do tribunal, que vão deixar a baixaria passar incólume.


Alguns imbecis dizem que o Engenhão não é nosso. Não é o que diz o contrato da licitação que o Glorioso venceu. É nosso por mais 19 anos.


Como último ato da tragédia anunciada, o timinho que só venceu seis partidas em todo o Campeonato Brasileiro, está praticamente rebaixado.


Tem 80% de chance de mandar os seus joguinhos, ano que vem, na várzea, no Aterro, em Carapicuíba, Conceição do Mato Dentro, na PQP. Menos no Engenhão, porque não têm compostura nem modos.


E eu vou abrir uma cervejota, aquela que desce redondo, para comemorar a volta deles à Segundona. De onde só saíram por armações e falcatruas que lhe são renitentes na história.


Saudações Botafoguenses,


Roberto Porto


portoroberto@uol.com.br



Escrito por Roberto Porto às 18h53
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Homem, Portuguese, Esportes, Arte e cultura, O BOTAFOGO, MINHA MAIOR PAIXÃO IMATERIAL
Histórico
Outros sites
  MEU LIVRO - clique aqui para comprar
  ESPN BRASIL - Leia minha coluna semanal
  DIRETO DA REDAÇÃO
  LIVROSDEFUTEBOL.COM - todos os livros de futebol com 10% de desconto e frete grátis
  VESTIÁRIO ALVINEGRO - assine a única agência de notícias sobre o Botafogo na internet
  ARQUIBA BOTAFOGO, o blog do meu amigo Paulo Marcelo Sampaio
  MUNDO BOTAFOGO, o blog do luso-alvinegro Rui Moura
  BLOG DA MALU CABRAL - é só para botafoguenses
  CORAÇÃO ALVINEGRO, um blog botafoguense de coração
  O BLOG DO GAROTINHO - José Carlos Araújo é o maior locutor do Brasil
  BLOGSTRAQUIS - de meu considerado amigo Moacir Japiassu
  IQUE - veja o blog do meu amigo e fantástico cartunista
  CLAUDIO JORGE - um tremendo músico, botafoguense de carteirinha
  CANAL BOTAFOGO - meu parceiro César Oliveira escreve lá
  CANTINHO BOTAFOGUENSE - o blog do Rodrigo Federman, de Vitória (ES)
  AMOR AO BOTAFOGO, blog do Rodrigo Medeiros
  BLOGTAFOGO - do Ricardo Nepomuceno
  SNOOPY EM PRETO E BRANCO, do meu parceiro Fábio Deus
  FOGOHORIZONTE - a maravilhosa torcida do Fogão em Belô
  CRÔNICA ESPORTIVA - do meu amigo Diego Mesquita
  JORNAL DE DEBATES, cujo editor no Rio é o botafoguense PC Guimarães
  A LÍNGUA DA BOLA, interessante site do Professor Feijó
  BLOG DO HELIO ARCANJO - que, como eu, também vai de Kombi...
  FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS, tremendo blog do Luiz Fernando Bindi
  BLOG DO ERALDO LEITE - botafoguense e imperiano feliz
  PORRADA NELES! - o jornalista botafoguense PC Guimarães baixa o sarrafo na "flaprensa" e defende o Botafogo
  BLOG DO JOÃO-NINGUÉM, do Vinícius D´Ávila Barros
  FOGOBLOG by Álan Leite
Votação
  Dê uma nota para meu blog



O que é isto?